quarta-feira, 18 de março de 2009

Voltando ao Blog

Buenas pessoal,
É impressionante como o tempo passa rápido, mas finalmente consegui parar para escrever alguma coisa no blog.
Se bem que outro problema é a competição pelo computador, pois toda a família quer usar um pouquinho...

Dediquei também algum tempo também para montar mais um vídeo, que está publicado nos links à direita.

Mas vamos ao que interessa: contar mais um pouco do nosso assentamento aqui na terra dos cangurus.

As coisas aos poucos vão deixando de ser tão misteriosas e a gente vai se sentindo mais confortável com o passar do tempo e aos poucos vai estabelecendo uma rotina.

Já temos até a hora do chimarrão. Aquele com erva Argentina... fazer o que né?!?
Agora até já acostumamos com o gosto.

Os guris estão cada dia mais tranquilos (é com trema ou sem trema agora???) na escola.
A abordagem da escola é diferente, como já comentei.
O Ricardo já se acostumou ao estilo "faculdade" da escola, pois a escola é grande (+- 1500 alunos) e ele tem cada período em uma sala diferente. Nos primeiros dias estava completamente perdido, mas agora ele já tem o mapa da escola na cabeça.

A escola do Gabriel é um pouco menor, mas recebeu uma ajuda do governo Australiano para as escolas e de incentivo à economia de AU$ 65 milhões.
Ele contou que na sala dele agora o quadro é digital e funciona com um projetor ligado a um notebook. Coisa muito chique.

Nas duas escolas existe um esquema de comunicação por alto-falantes, onde o diretor fala frequentemente com os alunos.

Uma coisa muito legal também é que eles tem assitência odontológica gratuita nas escolas.
Não é de estranhar pois os colegas deles não tem o hábito de escovar os dentes depois do alomoço, que é feito na escola.

O Gabriel foi elogiado quando foi fazer a revisão dos dentes e inclusive o dentista perguntou "Então é tu que escova os dentes todos os dias aqui na escola? Meus parabéns".
Vê se pode...

Mas existem algumas coisas que eles não tem aqui, por exemplo:
Carroças, flanelinhas, pedintes, papeleiros, cachorros de rua.

Aliás, por falar em cachorros, aqui não basta conseguir um cusco com um amigo e levar prá casa.
Tem que ter registro do totó e ainda um monte de compromissos prá criar o bicho.
Um deles é não deixar que o cachorro fique latindo e perturbe a vizinhança.
E por incrível que pareça, os bichos não latem mesmo.

Eu só descobri que nosso vizinho tinha um cachorro em um dia que fui colocar algumas coisas no lixo (ah o lixo, em segida já vou falar do lixo também) e ouvi uns latidos. Olhei por cima da cerca e lá estava o totó bem feliz abanando o rabinho, querendo assunto.
Mas também foi só. Depois ele não se pronunciou mais.

Mas e o lixo? Então, aqui eles tem aqueles caminhões com um bracinho de robô prá pegar o lixo, que vai acondicionado em containers padronizados. São dois containers: um para o lixo sujo e outro dos recicláveis. Muito bonito e organizado.
O problema é que a coleta é só uma vez por semana para o lixo "lixo" e só a cada 2 semanas para o reciclável.

Meu problema agora está sendo "desovar" um monte de caixas de papelão de todas as tralhas que a gente comprou para montar a casa.
No container não cabe muita coisa e ainda só sai a cada 15 dias, já viu né?!?

Neste ponto um papeleiro até que fez falta aqui rsrsrs

Mais outra coisa que eu queria comentar também que o pessoal aqui adora um fast food.
Tem prá todos os gostos, desde os conhecidos aí no Brasil até alguns locais. Os mais conhecidos são: Pizza Hut, Dominos Pizza, Eagle Boys Pizza, Pizza Eazy, Subway, Hungry Jack, McDonalds, KFC, Chicken Treat, Red Rooster, Kebabs.
E tem mais um detalhe, estão sempre cheios.
Se tivesse grana abriria uma filial do Xis do Nemério aqui... rsrsrs

No mais estamos tentando aproveitar o finalzinho do verão e pegamos uma praia no domingo.
Estamos com sorte, pois segundo o povo daqui o verão até deveria ter acabado.
Hoje o clima estava diferente, nublado o dia todo e com um pouco de garoa em alguns momentos.

Em Cooge Beach, o Ricardo ensaiando com a prancha que ganhou de aniversário dos amigos


Farofada em Cottesloe. Praia lotada quase 8 da noite.

5 comentários:

Careca disse...

Dúvida, o que é aquele "triciculo gigante" na beira da praia????

Abração a todos.

Careca

Roberto C. Muller disse...

Aquilo é uma das "Obras de Arte" expostas na praia. Tinha um monte de coisas malucas espalhadas por lá.

Seu Lê disse...

não dá para amontoar o papelão e tocar fogo em tudo, num domingo de tarde?????

Joice disse...

O Rica no seu primeiro aniversário australiano! Parabéns e vamos ver se vira surfista!
Abração do Gui, da Joice e do Rodrigo.

Marcelo Vollbrecht disse...

Dae Beto.
Talvez vc nao se lembre de mim, mas trabalhamos juntos na CNP. Fiquei sabendo atravez do Dago que vc esta se aventurando na terra dos cangurus. Este mundo eh pequeno mesmo, eu e minha esposa estamos morando em Melbourne e dias atraz estava olhando uma vaga em Perph. Me manda um e-mail para trocarmos algumas figurinhas.
karepa@gmail.com abracao e sucesso.
Cheers Mate.
Marcelo Vollbrecht.